Protetor para calos

Muitas vezes, os calos e calosidades podem causar grande dor para quem sofre desses problemas. Existem no mercado protetores para calos, que cumprem uma função importante: eles não permitem que a pele com calosidade, que já está em processo de endurecimento, fique em contato ou atrito com outras partes da pele ou com os calçados. 

Portanto, os protetores para calos podem trazer grande conforto momentâneo. Entretanto, a solução é cuidar do problema, removendo o calo com remédios ou soluções caseiras. 

Como calos e calosidades podem ser tratados? Existem remédios caseiros para calos e calosidades?

Calos e calosidades podem ser tratados com muitos tipos de produtos medicamentosos para que a pele enregecida e morta seja quimicamente removida. Muitos produtos estão disponíveis para uso como remédios caseiros. Estes produtos todos partilham a mesma substância activa – ácido salicílico, o ingrediente usado em produtos de venda sem prescrição médica para remoção de verrugas.

O ácido salicílico é um queratolítico, o que significa que dissolve a proteína (queratina), que compõe a maior parte da espessa camada de pele morta que muitas vezes se transforma em calos. Usado como indicado nas instruções da embalagem, estes produtos são suaves e seguros para a maioria das pessoas. 

Tratamentos com ácido salicílico  estão disponíveis em diferentes formas, incluindo:

  • aplicadores,
  • gotas,
  • almofadas,
  • emplastros.

Todos estes tratamentos vão fazer com que a parte superior da pele enbranqueça e  permita que o tecido morto seja cortado ou removido facilmente, fazendo com que as calosidades fiquem menores e doam menos. 

Recomenda-se geralmente que o ácido salicílico não seja usado por pessoas com diabetes ou quando há a pele frágil ou má circulação (por causa da preocupação sobre como a pele pode curar). Nestas situações, a aplicação do ácido salicílico pode potencialmente levar à formação de úlceras na pele. Um profissional de saúde pode ajudar a determinar se os produtos à base de ácido salicílico são seguros para o uso em um determinado indivíduo.

Não tente cortar ou raspar calos e calosidades em casa. Isto pode levar a uma infecção potencialmente perigosa dos tecidos circundantes. Isto deve ser realizado por um dermatologista ou outro profissional de cuidados de saúde.

Um profissional de saúde também pode prescrever antibióticos para qualquer calos ou calosidades que se tornaram infectados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *